Mais informaç~ºao Voltar á página Inícial

 

Mogaricus Cogumelos: a introdução da cultura de cogumelos no Planalto Mirandês
Título: Mogaricus Cogumelos - Sociedade Unipessoal, Lda.
Tema: Cogumelos; Instalação jovens agricultores; Criação de empresa

Promotor:
Mogaricus Cogumelos - Sociedade Unipessoal, Lda.
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Local: Mogadouro; Região Norte
Fundo: FEADER
Programa: PRODER
Medida / Ação:
1.1 Inovação e Desenvolvimento empresarial / 1.1.1 Modernização e Capacitação das Empresas
1.1 Inovação e Desenvolvimento empresarial / 1.1.3 Instalação de Jovens Agricultores
  /  
Custo total: 538.371,00 € Financiamento comunitário: 189.439,00 €
Financiamento Nacional: 63.147,00 € Financiamento privado:285.784,00 €
Síntese
linha de separação

O projeto iniciou-se com a criação, em 2008, da empresa Mogaricus Cogumelos - Sociedade Unipessoal, Lda. para produção de cogumelos brancos (agaricus) em Mogadouro. O projeto de investimento, financiado pelo PRODER, associado à instalação de jovem agricultor, permitiu a introdução da cultura de cogumelos no Planalto Mirandês, utilizando infraestruturas e tecnologias que permitem a eficiência produtiva e de utilização de recursos, nomeadamente energéticos, a partir de fontes renováveis. 
Enquadramento
linha de separação

O promotor, com formação na área agrícola, após alguns anos de atividade de prestação de apoio técnico em várias associações de agricultores e de formador em ações de formação profissional agrícola, tomou a decisão de criar a própria empresa, na perspetiva de enfrentar novos desafios e ultrapassar um vínculo laboral precário. 
A oportunidade de desenvolver um plano de negócios consistente e o gosto pela cultura dos cogumelos foram a receita perfeita para abraçar este projeto, inovador à escala do Planalto Mirandês. 
Objetivos
linha de separação

Os principais objetivos que presidem ao lançamento e desenvolvimento do projeto são os seguintes:
• Criar o próprio negócio e tornar-se empreendedor 
• Construir um negócio sustentável e enquadrado na realidade local
• Criar emprego e contribuir para a fixação de pessoas na região
Descrição
linha de separação

Para assegurar a prossecução destes objetivos, o promotor estabeleceu uma parceria com a empresa  Micellium - Centro Investigação e Produção de Cogumelos, Lda, através do programa Prosat (Produtores Satélite da Micellium), que assegurou a montagem do projeto e o escoamento da produção, no início da atividade, entre 2012 e 2015.
O projeto de instalação de jovem agricultor, associado a um investimento de cerca de meio milhão de euros, financiado em 47% pelo PRODER, consistiu na construção de 3 salas térmicas específicas para a produção de cogumelos em regime cíclico e contínuo, um pavilhão e respectivas salas de apoio, incluindo uma câmara frigorífica. 
Em termos de equipamentos, destacam-se os sistemas autónomos de climatização, com controlo por meios informáticos, permitindo implementar e gerir os fatores ambientais imprescíndiveis à optimização da produção, com redução de custos energéticos: 1 fonte de arrefecimento; 1 fonte de calor; 2 bombas de pressão e depósito de água potável para humidificação, rega e lavagens;1 sistema de filtragem de ar de alta eficiência, para  purificação do ar permitindo baixar os níveis de CO2. 
Foram ainda instalados 384 Tabuleiros metálicos para movimentar a base orgânica de cultivo em regime "TRAY-SYSTEM" a cada 30 dias sem esforço e desperdício de energia.
Para além da sustentabilidade energética, a empresa optou por métodos de produção amigos do ambiente, isentos de químicos, utilizando basicamente composto para cogumelos ( mistura de palha com estrume de galinha) e água, que no final do ciclo produtivo é usado por agricultores que produzem em modo biológico.
Resultados
linha de separação

O plano de investimento, concluído em final de 2012, permitiu a instalação de 600 m2 de área coberta para a produção de cogumelos, da qual se encontra ocupada 432 m2, com uma produção média anual entre 100 a 120 toneladas.
A produção destina-se ao mercado nacional, sendo escoada através de empresas de distribuição de cogumelos. 
A empresa tem uma faturação média anual de 200 mil euros e dá emprego a 4 pessoas a tempo inteiro e a 2 a tempo parcial.  
Outra informação
linha de separação
 
Apesar das dificuldades sentidas, que se prendem com a constituição de uma equipa de trabalho (inexistência de pessoal qualificado) e dificuldades logísticas (um grande entrave à instalação de novas empresas no interior), o promotor  tem projetos para o futuro que passam por:
• Aumentar a capacidade produtiva 
• Apresentar novos produtos
• Diminuir custos energéticos 
• Introduzir novas tecnologias/ formas de produção
Contacto
linha de separação
Nome: Francisco Claúdio Rodrigues Mateus
Morada: Zona Industrial de Mogadouro, Lote 2, Fase 2, 5200-287 Mogadouro
Telefone: +351 964 548 971 E-mail: franciscoclaudiomateus@gmail.com Website:  
Documentos e vídeos:  
Data da informação: 22-01-2018